Yohan Rossel herdou vitória WRC2 em Monte Carlo após penalização de Nikolay Gryazin

Mudança significativa no resultado final do WRC2 no Rali de Monte Carlo – ronda inaugural do Mundial de Ralis (WRC). Nikolay Gryazin venceu em estrada, mas foi penalizado e Yohan Rossel tornou-se no vencedor.

A formação do gaulês da Citroën, a PH Sport, submeteu um protesto contra Gryazin (Toksport WRT/Skoda) por este ter cortado uma curva na PEC 14, ganhando tempo com isso. Os comissários receberam provas em vídeo por parte dos contestantes e confirmaram a validade das mesmas. Da sua parte, Gryazin alegou que sofreu um furo que lhe dificultava o controlo do carro.

No entanto, e apesar de o piloto oriundo da Rússia ter apresentado as provas de defesa solicitadas, os comissários consideraram o protesto como admissível e penalizaram-no em cinco segundos pelo corte da curva. Com esse tempo, Rossel herdou a vitória, acabando meio segundo na frente do rival.

Etiquetas:
Artigos Relacionados