Toto Wolff considera ‘irrelevante’ George Russell ter batido Lewis Hamilton

No seu primeiro ano ao serviço da Mercedes na Fórmula 1, George Russell conseguiu superar o colega Lewis Hamilton ao acabar em quarto lugar contra o s...

No seu primeiro ano ao serviço da Mercedes na Fórmula 1, George Russell conseguiu superar o colega Lewis Hamilton ao acabar em quarto lugar contra o sexto do heptacampeão – sendo apenas a terceira vez em 15 anos que Hamilton foi batido internamente. Além disso, Russell obteve a única vitória da equipa durante a época.

No entanto, a Mercedes desvalorizou o significado de o #63 se ter imposto. Toto Wolff, diretor-executivo e chefe de equipa, salientou citado pelo site grandprix.com que as posições secundárias não interessam a qualquer competidor:

– É irrelevante. Eles não estiveram a competir por um campeonato do mundo. Eles não competiram por vitórias, exceto no Brasil. Não creio que para alguma equipa importe se acabam em segundo, terceiro, quarto ou quinto’.

Sobre o impacto em Hamilton de não ter conseguido êxitos este ano, o responsável austríaco sustentou que a perda do título de 2021 foi mais dura para o #44: ‘O ano passado foi muito pior. O ano passado foi-nos tirado. Este ano perdemos por mérito. Simplesmente não fomos bons o suficiente’.

 

Etiquetas:
Artigos Relacionados