Mercedes renova com patrocinadora principal na F1

A Mercedes vai manter a sua patrocinadora principal na Fórmula 1 no longo termo, anunciando um invulgar acordo que vigorará a partir de 2026, já na er...

A Mercedes vai manter a sua patrocinadora principal na Fórmula 1 no longo termo, anunciando um invulgar acordo que vigorará a partir de 2026, já na era dos combustíveis sustentáveis. A formação germânica anunciou a renovação com a Petronas, depois de há alguns meses até terem existido rumores acerca de uma possível separação.

O novo acordo de colaboração técnica e de patrocínio dá continuidade a uma parceria que começou em 2010, assistindo já à conquista de oito títulos de construtores e sete de pilotos. Neste novo capítulo, a Mercedes e a Petronas terão a tarefa de desenvolver um combustível totalmente sustentável, que será obrigatório em 2026 com as novas unidades motrizes.

Toto Wolff, chefe de equipa e diretor-executivo da Mercedes na F1, vincou em comunicado a mensagem que esta renovação deixa, para além de realçar o entusiasmo dos próximos desafios na área dos combustíveis:

– Hoje estamos a fazer algo um pouco invulgar – a anunciar uma parceria que começará dentro de quatro anos. Isto envia uma mensagem importante: a nossa equipa e a Petronas já não são só parceiros, somos família, e seremos uma equipa por muitos mais anos. A partir de 2026, os combustíveis sustentáveis avançados estarão no coração do rendimento na F1 – e isto dá-nos uma oportunidade fantástica de demonstrar a nossa perícia neste domínio, através da unidade motriz e da Petronas Fluid Technology Solutions. Estamos empolgados por competir no futuro ao lado da Petronas, com a ambição de estabelecer outra vez o padrão, no nosso rendimento em pista e sendo pioneiros na transição de uma equipa desportiva global para um futuro de zero emissões de carbono’.

Etiquetas:
Artigos Relacionados