Haas «quer» Logan Sargeant no futuro

Logan Sargeant vai estrear-se este ano na Fórmula 1 ao serviço da Williams, mas mesmo antes de começar a época já quem cobice os seus serviços para o futuro – nomeadamente a Haas, que de momento é a única equipa norte-americana no pelotão.

À emissora KVUE, o chefe de equipa da formação de Gene Haas, Günther Steiner, admitiu que no futuro seria do seu agrado ter um piloto oriundo dos Estados Unidos da América, mas esssa não foi uma opção para este momento tendo em conta que é necessária experiência:

– É claro que gostaria de ver um piloto americano connosco. Penso que o que precisamos de ver é o desenvolvimento de um piloto americano, que é muito difícil. Tivemos os últimos dois anos com dois rookies, no ano passado com um piloto inexperiente. E como equipa ainda somos muito jovens. E para nós, neste momento, há mais desempenho a ganhar para a equipa para a tornar melhor, para nos prepararmos, porque neste momento não há um piloto americano com experiência na F1. Portanto, decidimos não contratar um americano’.

Sobre Sargeant em concreto, Steiner afirmou: ‘Agora há um piloto americano que vai ganhar experiência e ele precisa de todo o apoio que puder obter neste momento. E não creio que neste momento exista. Por isso, oxalá surja, porque desejo que ele ganhe experiência e depois, quando tiver ganho experiência, venha para nós, a equipa americana. Que tal?’.

Etiquetas:
Artigos Relacionados