FIA endurece parâmetros dos «santantónios» dos Fórmula 1

A partir da próxima época, a FIA vai ter protocolos mais rígidos quanto à integridade dos «santantónios» («rollhoops») dos monolugares de Fórmula 1. É...

A partir da próxima época, a FIA vai ter protocolos mais rígidos quanto à integridade dos «santantónios» («rollhoops») dos monolugares de Fórmula 1. É uma medida tomada na sequência do aparatoso acidente de Guanyu Zhou no GP da Grã-Bretanha, que desfez por completo essa importante estrutura de proteção no seu Alfa Romeo.

Um comunicado da FIA, citado pelo site planetf1.com, informa que as equipas estão disponíveis ‘para introduzir medidas mais rigorosas nos «santantónios» para 2023’. Para já, ainda não foram decididas as alterações em concreto, mas a entidade federativa encetou as análises necessárias e vai comunicar às equipas os requisitos de segurança em causa.

Até agora ainda não existem conclusões claras quanto ao motivo pelo qual o «santantónio» do Alfa Romeo de Zhou ficou completamente destruído no acidente de Silverstone – no qual o monolugar capotou e foi arrastado vários metros no solo, deixando assim o halo como a proteção essencial que salvou o piloto de lesões potencialmente graves.

Etiquetas:
Artigos Relacionados