Corrida de Abu Dhabi foi um regresso ‘à realidade’, assume George Russell

George Russell concluiu a temporada de Fórmula 1 com a quinta posição no GP de Abu Dhabi – que lhe permitiu selar o quarto posto no Mundial. O piloto da Mercedes não teve a vida fácil em Yas Marina: chegou a perder o sexto posto para Lando Norris (McLaren) no arranque, sofreu uma penalização por saída insegura das boxes e e acabou no top cinco só depois do abandono do colega Lewis Hamilton.

O #63 comentou em comunicado: ‘Esta quase podia ter sido uma corrida memorável, mas provavelmente errámos mais do que acertámos. Este fim de semana não tivemos o ritmo e tentámos tanto quanto pudemos, mas na verdade esta foi uma das corridas mais duras da época para nós. A forma como se desenrolou para mim é uma pena – tive um forte início a lutar com o Carlos [Sainz], mas com a primeira paragem longa e os cinco segundos de penalização a corrida estava acabada para mim’.

No entender de Russell, esta ronda final enalteceu as lacunas competitivas do W13 e a necessidade de melhorar para 2023 – mostrando-se confiante que essa melhoria vai acontecer:

– Esta corrida trouxe-nos de volta à realidade depois do ponto alto no Brasil numa pista que se adequou muito melhor ao nosso carro. Simplesmente sublinhou o que todos sabíamos: que temos muitas melhorias a fazer durante o inverno. Todos na equipa em Brackley e em Brixworth estão a esforçar-se o mais arduamente que podem e vamos na direção certa. E estamos confiantes, teremos um carro mais forte no próximo ano’.

Etiquetas:
Artigos Relacionados